White papers e webinars

DDoS and Downtime: Considerations for Risk Management

CAMPO OBRIGATÓRIO

WHITE PAPER

Este relatório aproveita o conhecimento de proteção contra DDoS da Verisign para examinar a ameaça de DDoS no contexto da disponibilidade de TI e do gerenciamento de risco empresarial.

À medida que as principais funções comerciais se tornam cada vez mais dependentes da disponibilidade de recursos de TI, os diretores financeiros (CFOs), diretores de risco (CROs) e outros executivos de nível sênior começam a reavaliar se a estratégia de gestão de risco da empresa aborda de maneira adequada a ameaça de rede, aplicações ou tempo de inatividade do serviço.

Enquanto a maioria dos gestores de risco das empresas está acostumada a lidar com a conformidade regulamentar, integridade de dados e privacidade de dados em um quadro de gestão de risco de TI, muitos ainda não se responsabilizaram totalmente pela disponibilidade de TI, pois está relacionada com a continuidade dos negócios. Até os gestores de risco que consideram a disponibilidade de TI podem focar apenas nas ameaças operacionais e ambientais (p. ex.: erro humano, incêndios e enchentes) ao mesmo tempo que não percebem os ataques distribuídos de negação de serviço (DDoS), que são uma das principais causas de tempo de inatividade empresarial relacionado a TI.

Dados a probabilidade e o impacto potencial dos ataques DDoS, e comparado com o custo de outras soluções de mitigação de risco relacionado ao tempo de inatividade, a mitigação contra ameaça DDoS pode ser uma das táticas mais fáceis e com melhor custo/benefício para minimizar o risco financeiro associado ao tempo de inatividade de TI.

Preencha o formulário para obter sua cópia de cortesia deste white paper.

Os campos com * são obrigatórios
A Verisign respeita seu direito à privacidade.
Consulte nossa declaração de privacidade